O lado negativo de afirmações positivas

o_lado_negativoÉ interessante para  um hipnoterapeuta com formação em hipnoterapia Kappasiniana como eu ler, que um grupo de pesquisadores nos Estados Unidos descobriram que afirmações positivas podem não funcionar para todo mundo – até ter um lado negativo.

Dr. John Kappas, um gênio na área de comportamento subconsciente, definiu em 1967 a sua teoria de sugestibilidade, que exatamente explica que existem três tipos de sugestibilidade, e cada tipo recebe e interpreta “input” (informação escrita ou falada – sugestões) de um jeito particular. Isto também significa que afirmações nem sempre tem que ser diretas ou positivas – mas tem que ser alinhadas à sugestibilidade do indivíduo.

No artigo “O problema dos livros de auto-ajuda: O lado negativo de afirmações positivas” no site hypescience.com (fonte original sciencedaily.com – veja links abaixo)  diz que “Os psicólogos Joanne Wood e John Lee, da Universidade de Waterloo, e Elaine Perunovic, da Universidade de New Brunswick, no Canadá, descobriram que pessoas com a auto-estima baixa se sentem piores depois de repetir frases de auto-afirmação positivas”.  Eles concluíram que “ pensamentos positivos fora da realidade, como “eu me aceito completamente”, podem causar pensamentos contraditórios em pessoas com a auto-estima baixa. Estes pensamentos negativos podem, assim, sobrepor os pensamentos positivos. Os pesquisadores concluem no estudo que “A repetição de frases auto-afirmativas podem beneficiar algumas pessoas, mas produzem efeitos negativos naquelas pessoas que mais precisam do benefício”.

Veja também o artigo http://obancomental.com/2012/12/20/a-diferenca-entre-o-banco-mental-e-a-lei-da-atracao-2/ nesse Blog.

No método do Banco Mental de Dr. John Kappas, não existe este dilema por que, a Ideia de usar afirmações somente é uma pequena parte do processo e elas serão usadas numa maneira completamente diferente. No Workshop Banco Mental com o Hipnoterapeuta Kaj Vardinghus, cada participante descobre sua própria sugestibilidade e percebe que talvez não queira incluir afirmações no seu próprio Banco Mental.

Venha fazer o Workshop Banco Mental! Inscreva se aqui: http://loja.baixehipnose.com.br/o-banco-mental/workshop-banco-mental-23-fevereiro-2013.html

LINKS PARA OS ARTIGOS MENCIONADOS ACIMA:

Fonte original em inglês: http://www.sciencedaily.com/releases/2009/07/090702110503.htm

Artigo em português: http://hypescience.com/592891-o-problema-dos-livros-de-auto-ajuda-o-lado-negativo-de-afirmacoes-positivas/

A diferença entre o Banco Mental e a Lei da Atração

O nosso subconsciente contém o roteiro para nossa vida. Este roteiro é o programa que define o que nós conseguimos em nossas vidas e também nossas limitações em relação ao que nós queremos agora.

Para mudar a o roteiro mais rápido, é necessário usar um estado mental que permita acesso à mente subconsciente.  Isto pode ser feito através de hipnose ou uso do método do Banco Mental.  Com outros métodos temos que repetir visualizações e afirmações milhares de vezes.

No fim dos anos sessenta o Dr. John Kappas definiu os três tipos de sugestibilidade, que mudou o mundo da Hipnoterapia. O entendimento de sugestibilidade possibilita elaboração de SUGESTÕES (= AFIRMAÇÕES) que funcionam melhor para cada pessoa.

Grande parte das pessoas não conseguem visualizar da forma descrita em “O Segredo” e não podem, portanto, usar este método para obter o que desejam. Esta falta de capacidade de visualizar é devido a sua sugestibilidade.

O Banco Mental é um metodo claro e simples que só requer 3-5 minutos por dia.

Veja a tabela comparando “O Banco Mental” com cursos sobre “a Lei de Atração” e/ou “O Segredo”

tabela_diferença

Venha fazer o próximo workshop do Banco Mental.

Compre o seu ticket para o próximo workshop: http://loja.baixehipnose.com.br/o-banco-mental.html